Seguro viagem cobre novo coronavírus?

Você tem uma viagem importante e que não pode ser remarcada, mas não sabe se o seguro viagem cobre novo coronavírus? Confira aqui como funciona a proteção em caso de pandemia!

A pandemia do novo coronavírus afetou o mundo inteiro, e antes mesmo de ter seu status de pandemia declarado pela OMS, alguns países já tinham fechados suas fronteiras e colocado sua população em quarentena.

Isso afetou todo o mercado, mas principalmente as viagens. Com fronteiras fechadas e companhias aéreas reduzindo 90% das rotas, quem tinha viagem marcada se viu numa situação em que deveria decidir se continuaria com os planos de viajar, ou optaria pela remarcação ou cancelamento.

Outro problema foram as pessoas que já estavam em território estrangeiro quando a pandemia foi declarada. Muitos não sabiam se prosseguiam viajando ou se retornavam para seus países de origem. E uma dúvida pairou nesse período: e o seguro viagem, cobrirá os gastos de saúde provenientes de uma infecção do novo coronavírus?

Seguro viagem cobre novo coronavírus?

Imagem de Gerd Altmann por Pixabay

A importância de contratar o seguro viagem

Nas viagens, principalmente internacionais, o seguro viagem é um aliado importante na busca de fazer sua viagem correr sem problemas. O seguro proporciona coberturas contra extravio ou bagagem, problemas nos voos e o pagamento das despesas médicas emergenciais que possam ocorrer no exterior.

Contar com um seguro de viagem faz com que o viajante possa aproveitar o passeio sem se preocupar caso algum imprevisto ocorra. Além disso, evita com que se tenha que arcar com todas as despesas médicas no caso de emergências ou acidentes, ou de contrair alguma doença.

Mas, e no caso de pandemias? Como funciona o seguro viagem para coronavírus? A seguradora cobrirá despesas, caso o viajante fique acometido pela doença?

Pandemais e epidemias: o seguro cobre as despesas?

A obrigação do seguro viagem cobrir os gastos causados por tal doença depende da Organização Mundial da Saúde. Se a OMS considerar a doença como epidemia ou pandemia, as seguradoras não são obrigadas a cobrir os gastos provenientes ao tratamento desta doença.

A pandemia ou epidemia são riscos excluídos das apólices de seguro viagem. Portanto, isenta a seguradora da responsabilidade de arcar com os gastos de tratamento, indenização ou reembolso para o viajante.

Como foi declarada a pandemia do novo coronavírus, as seguradoras estão isentas da obrigatoriedade de arcar com as despesas médicas de pessoas que contraírem o vírus e apresentarem sintomas enquanto viajam.

Antes de ser declarada a pandemia, as seguradoras optaram somente por cobrir os gastos até o momento que o diagnóstico era confirmado. A partir da confirmação da infecção com Covid-19, o viajante era encaminhado para os cuidados das unidades de saúde locais, não cobrindo nenhuma despesa a partir daí.

Covid-19 e a mudança de protocolo de seguradoras

Seguro viagem cobre novo coronavírus?

Imagem de Gerd Altmann por Pixabay

Com o vírus se espalhando cada vez mais rápido e em mais lugares do mundo, as seguradoras resolveram não deixar seus clientes sem cuidados. Muitas estão quebrando ou mudando seus protocolos de cobertura.

Algumas empresas ainda só cobrem até o diagnóstico positivo, fazendo com que o viajante retorne ao seu país de origem após a confirmação. Outras analisam caso a caso para deliberar se a cobertura dos gastos será realizada pela seguradora. Mas a maioria das seguradoras optou por cobrir todos os gastos médicos das pessoas contaminadas pelo Covid-19, seguindo os protocolos de saúde de cada país.

No caso de cancelamento da viagem, o seguro reembolsa?

Como não sabemos como a economia ficará após o surto de coronavírus no mundo todo, muitas empresas estão aconselhando os viajantes a remarcarem suas viagens, dando variadas opções de datas.

As empresas também não aconselham levar adiante os planos de viagens, por conta do alto risco de contágio do vírus. Além disso, as fronteiras estão fechadas, comércio e atrações todos fechados, eventos suspensos. Assim sendo, a população mundial basicamente está toda em quarentena.

No caso do cancelamento da viagem, cada empresa tem sua própria política. Então, o ideal é conferir na apólice do seguro, nas condições de cancelamento, se seu plano dá o direito ao reembolso ou não. Portanto, agora é hora de negociar com as empresas para que nenhum dos lados fique em prejuízo.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *