Carro automático ou manual: qual o melhor para você?

| Autor: Jeniffer Elaina

Se você está considerando comprar um carro, já deve ter se pagado pensando ‘eu escolho um carro automático ou manual?’. Se isso aconteceu não se preocupe, aqui você descobrirá tudo o que precisa saber sobre esse assunto.

Os brasileiros são mais habituados a carros manuais, no entanto, a procura por veículos com o câmbio automático vem crescendo com os anos. E exatamente pelo fato do manual ser mais comum, ainda existem muitas dúvidas sobre o câmbio automático.

Especialmente na hora da compra, quando a ideia é decidir entre um carro automático ou manual. Por isso, esse artigo foi criado, para explicar melhor a diferença entre esses dois tipos de transmissão e quais são as desvantagens e vantagens de cada um deles.

Carro automático ou manual: qual o melhor para você?

Imagem: Getty

O que é a transmissão e/ou câmbio do carro?

O câmbio ou sistema de transmissão, é um dos itens mais importantes do carro, juntamente com o motor. Ele é composto pelos seguintes itens:

  • Volante;
  • Embreagem;
  • Eixo de transmissão, e em alguns casos o diferencial;
  • E o câmbio.

Sendo que o câmbio é o responsável por permitir o fornecimento de energia do motor para as rodas, fazendo com que o carro se locomova. Logo, a transmissão ou câmbio do carro é a parte que permite fazer com que o carro ande. Existem dois tipos de transmissão, a automática e a manual, e cada uma delas é composta por itens diferentes, e funcionam de maneiras diferentes. Mas, promovem o mesmo resultado. Veja a seguir mais sobre cada um dos tipos citados

Câmbio manual – do que ele é composto e como funciona

O câmbio manual, além de ser o mais comum no Brasil, também é o mais barato, tanto no valor agregado ao veículo quanto na hora da manutenção. Ele é composto por cabos, alavancas, embreagem e disco platô.

Para que seja possível trocar a marcha do carro usando um câmbio manual, é preciso pisar na embreagem, movimentar a alavanca do câmbio e retirar o pé da embreagem. Além disso, o normal é que os câmbios manuais tenham até 5 marchas apenas, apesar de já existirem muitos modelos com 6 marchas. Essas por sua vez, são divididas em números que vão do 1º ao 5º, além da ré. Onde cada um deles indica uma força de motor diferente.

Câmbio manual – prós e contras

Talvez a primeira vantagem do câmbio manual seja o preço, além de contar com um valor agregado menor na compra do veículo, sua manutenção também é menor. Além disso, se for usado da maneira certa, ele não promove um maior gasto de combustível. E permite respostas mais rápidas em arrancadas e ultrapassagens. O câmbio manual também confere uma sensação e esportividade ao motorista, além de um maior controle, e por esses motivos, eles ainda são os preferidos de muitas pessoas.

No entanto, ele também exige muito mais atenção do motorista, além de ser mais cansativo devido o uso constante do pedal da embreagem. E, se utilizado de maneira incorreta pode sim promover maiores gastos, além de provocar danos ao motor.

Câmbio automático – do que ele é composto e como funciona

Como comentado, o câmbio automático ainda pode ser considerado como novidade no Brasil, por não ser tão utilizado assim entre os motoristas. O sistema de transmissão automática funciona através de pressão de óleo. Além de cotar com mecanismos elétricos responsáveis por realizar a troca de marcha.

Ou seja, na transmissão automática não é preciso trocar de marcha. O mais comum é que existam câmbios automáticos com 6 marchas, no entanto, você sempre verá marcações em forma de letras junto à alavanca do câmbio. Na maior parte das vezes essas letras significam: N (ponto morto), P (usada enquanto o carro está parado), D (acionamento para andar) e R (ré).

Câmbio automático – prós e contras

A primeira, e sempre mais considerada, vantagem é o fato do câmbio automático ser muito mais confortável que o manual. Isso porque não é preciso acionar o pedal da embreagem, ou mesmo ficar trocando as marchas, o sistema faz tudo isso sozinho. Além disso, o câmbio automático é muito mais durável e seguro.

As desvantagens é que, além dele ser mais caro tanto no valor agregado para compra como na manutenção, câmbio automático ele também consome mais combustível. As trocas de óleo também devem ser mais frequentes, e é importante que você sempre conte com um profissional especializado para os reparos no câmbio.

Diferenças entre o carro automático ou manual

A principal diferença entre os dois modelos de câmbio é que enquanto o manual é mais barato e promove um melhor desempenho e mais controle sobre o carro. O automático oferece mais conforto, permitindo que o motorista não se canse tanto com trocas de marcha constantes, especialmente em cidades onde engarrafamentos são comuns.

Outros modelos de câmbio existentes

Se você já está confuso em ter que escolher um carro automático ou manual, imagine ao saber que ainda existem outros modelos de câmbio? Pois, eles existem saiba um pouco a respeito:

Câmbio automatizado

Um tipo de transmissão mais próxima do câmbio automático, porém, mais em conta. O câmbio automatizado pode ser colocado entre o manual e o automático. Ele é mais comum em carros de porte médio e os modelos compactos, e não promove nem o aumento do consumo de combustível e nem a perda de desempenho. Aparentemente eles são como os câmbios manuais, no entanto, eles não contam com a necessidade de acionar o pedal da embreagem, pois, esse mecanismo é acionado eletronicamente.

Muitos motoristas que possuem carros com transmissão automatizada, reclamam dos trancos promovidos no momento da troca de marchas. Além disso, eles relatam que o rendimento nas subidas é menor, especialmente se o carro estiver cheio.

Câmbio CVT

Nesse tipo de transmissão, ao invés de engrenagens são utilizadas polias, capazes de tornar a troca de marcha tão sutil a ponto de ser imperceptível. Além disso, esse sistema aproveita melhor o torque do motor, que á a potência de arranque do carro. Esse tipo de câmbio é o mais avançado de todos, também o mais caro, tanto na compra como na manutenção, por necessitar de trocas de óleo constantes e regulagem de filtros, além do consumo de combustível. No entanto, ele também é o que possui melhor desempenho e conforto.

Agora que todas as informações mais importantes sobre as diferenças entre um carro automático ou manual foram esclarecidas. Dependerá apenas de você, avaliar as informações e escolher a melhor opção para você e seu orçamento.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

2 Comentários

  • Silas Pereira says:

    Oi,

    Fiquei ainda mais indeciso para a escolha de câmbio manual ou automático.
    Por ex. :
    1 – Quanto aumenta a frequência na troca de óleo
    2 – Qual tipo demora mais para dar problema
    3 – A partir de que ano os carros automáticos ficaram mais confiáveis?

    Obrigado

    • Sanaira Silveira says:

      Bom dia Silas,

      Obrigada pela mensagem.
      Pedimos que entre em contato com um fabricante para que possa tirar suas dúvidas.

      Caso tenha interesse em fazer uma cotação de seguro, você precisa preencher o formulário em: https://www.smartia.com.br para que um de nossos corretores parceiros entre em contato com você.

      Atenciosamente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *