O seguro para carros de coleção

Os apaixonados por carros antigos encontram dificuldade para encontrar uma seguradora disposta a assumir os riscos de suas preciosidades e precisam redobrar a atenção.

A apólice de carros de coleção são diferenciadas a começar pelo valor dos bens.

Roubo ou furto não são ressarcidos, ao contrário dos veículos novos que possuem uma tabela de preços.

As colisões também são tratadas de forma diferente. O seguro só cobre os danos no outro veículo, enquanto os prejuízos com os amassados do próprio carro são assumidos pelo condutor.

E se a batida for em um evento ou exposição em que estão outros carros antigos o automóvel do terceiro será consertado, mesmo que seja de um parente ou amigo próximo.

Esta é, aliás, uma característica que não é oferecida nos seguros de modelos novos.

Acidentes em família não costumam ser pagos.

Para colecionadores a prestação de serviços oferecida pela seguradora é o grande diferencial, como socorrer o dono de um carro que teve a bateria descarregada.

O seguro para carros de coleção

Imagem: Getty

O que o seguro para carros de coleção costuma oferecer?

As coberturas são bastante restrita, o mais comum é que as seguradoras ofereçam apenas os serviços de assistência 24 horas.

Isso quer dizer que o carro poderá contar com ajuda nos momentos mais difíceis como quando houver uma pane elétrica ou mecânica e precisar de guincho.

Apesar de parecer pouca, esses serviços podem ser bastante uteis, afinal, por mais que se trate de um carro de colecionar bem conservado, pela idade ele tende a apresentar mais problemas.

Por que é tão difícil fazer um seguro para carros de coleção?

Muitas seguradoras não aceitam fazer o seguro para carros de coleção por mais de um motivo e isso acaba dificultando a contratação do serviço.

Um deles é a dificuldade de encontrar peças para reposição no caso de uma perda parcial.

Por ser um modelo já fora de fabricação e antigo, dificilmente se encontram peças e quando essas existem possuem um valor extremamente alto.

Além disso, esses carros não constam em tabelas que podem ser usadas como base no caso de uma perda total, o que pode tornar o seu valor inestimável.

O custo para as segurados seria elevado a ponto de não compensar proteger o veículo.

Se tem um veículo de colecionador sabe que enfrentará dificuldades para contratar uma proteção para ele e quando essa existir o seguro para carros de coleção será restrito.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

4 Comentários

  • Marco Fuméro says:

    Noite leve a todos,

    E um fusquinha 1968 todo original? Carro de colecionador?

    Grato

    • Sanaira Silveira says:

      Boa tarde Marco,

      Agradecemos sua mensagem.
      No momento não estamos com parceiros para fazer seguro para veículos com mais de 15 anos.

      Atenciosamente.

  • claudio Marinho says:

    Bom dia tudo bom? estou acompanhando páginas de asseguradoras e gostaria de saber se voces trabalham com seguros veiculares para carros com mais de 30 anos de fabricação? Possuo um carro antigo do ano de 1961 e gostaria contratar um seguro apenas contra terceiros.

    Caso voces nao possuam este servico poderiam gentilmente informar se conhecem alguma empresa que realiza este procedimento?

    Caso voces trabalhem com este tipo de seguro para carros com mais de 30 anos.. poderia me informar qual seria o procedimento para realizar a contratacao do seguro?

    Obrigado antecipadamente e boa semana.

    Claudio Marinho

    • Smartia Seguros Online says:

      Olá Cláudio, bom dia! Na Smartia não realizamos este tipo de seguro e normalmente um veículo com esta “idade” possui restrições de aceitação por parte das seguradoras… porém existem algumas como Porto Seguro, Azul Seguros, Itaú Seguros, BB Seguros, Liberty Seguros e Cardif que podem aceitá-lo. Esperamos ter ajudado, ok! Bom dia e boa sorte com o seguro do seu carro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *