Cote o seu seguro auto online!

Em menos de cinco minutos você estará avaliando propostas com os melhores corretores do país!

Um dos principais medos das pessoas que deixam o carro com o manobrista é se vai acontecer alguma coisa com o carro, não é mesmo? Por este motivo, vamos explicar neste texto se o seguro cobre danos causados pelo manobrista.

É uma situação bem desagradável chegar no seu carro, após um jantar, por exemplo, e deparar com o veículo batido, concorda? Deixar o carro na rua também é uma decisão difícil, pois ele pode ser roubado. Então, muitas pessoas optam pelo estacionamento para trazer mais segurança. Mas será que o seguro cobre danos causados pelo manobrista? Explicaremos mais abaixo.

A primeira coisa que precisa passar na sua cabeça é que, se o estacionamento tiver seguro, o local deverá acionar a seguradora para realizar os reparos causados no seu carro.

Porém, se o estacionamento não tiver seguro e o dono do veículo seja obrigado a comunicar o sinistro para a sua seguradora, o local deverá ficar responsável pelo pagamento da franquia, claro, se o valor para o conserto for maior que o pagamento da franquia.

Se para arrumar o seu carro ficar mais barato, o estacionamento pode fazer o pagamento direto para o mecânico que deixará o veículo da mesma forma de quando ele foi entregue ao manobrista. 

Só tem um detalhe importante:  mesmo o estacionamento se responsabilizando pelo pagamento da franquia, a seguradora pode acioná-lo, via justiça, para que ele pague o valor total do conserto.

O seguro cobre danos causados pelo manobrista?
Imagem: Getty Images

Saiba o que você deve fazer se o manobrista bater o seu carro

No momento em que você deixar o automóvel em um estacionamento, o ideal é sempre dar uma olhada se está tudo certo, principalmente, com a lataria. É importante também dar uma olhada se o local está regularizado e se possui seguro que protege veículos de terceiros.

Caso o acidente seja causado pelo manobrista e o local tenha seguro, a primeira coisa é ir à administradora do estacionamento para comunicar o ocorrido. O segundo passo é registrar um BO (boletim de ocorrência) relatando o que aconteceu. Após isso, o responsável pelo estacionamento deve acionar a seguradora solicitando o conserto do carro do cliente.

Agora, se o ocorrido foi no estacionamento, mas quem bateu foi o motorista, ele deve acionar a sua seguradora. Geralmente, estes estabelecimentos possuem seguro contra roubo, furtos e acidentes.

Como falamos acima, se o local não estiver seguro, o dono do automóvel aciona a empresa, que fará o conserto mediante o pagamento da franquia.

Porém, se você também não tem seguro, a situação fica mais difícil. Neste caso, existem duas opções:

  • Será feito um acordo para o conserto e o pagamento realizado pelo manobrista;
  • Você conserta o carro e depois aciona o manobrista. Se ele não quiser pagar, será necessário entrar na justiça.

Uma coisa essencial de saber é que o Código de Defesa do Consumidor protege o cliente independente da culpa. Segundo o Artigo 14, quem está fornecendo o serviço deve responder por todos os danos causados ao consumidor.

Então, o estacionamento é o responsável pelo dano no veículo causado pelo manobrista.

Dicas para não ter problema com o seu carro quando deixa com o manobrista

Para que este serviço seja prestado de forma tranquila, existem alguns pontos que podemos ficar atentos no momento de parar o veículo em um estacionamento com manobrista.

1 – Não jogue fora o cupom fiscal

Empresas que estão de acordo com a lei, geralmente, entregam o cupom fiscal com todos os dados do veículo e período em que ele ficou estacionado. Ter os cupons de compras ou refeição que você fez no momento do acidente com o seu carro, também ajuda na hora de comprovar que não era você que estava dirigindo.

2 – Opte pelo manobrista que checa o carro antes de entrar

Alguns estacionamentos deixam de orientação para os seus funcionários sempre olharem o carro do cliente na entrada e na saída para evitar qualquer tipo de problema.

mulher saindo do carro
As melhores seguradoras e os melhores preços para o seu seguro auto.

3 – Verifique onde o carro será estacionado

Ao deixar o veículo com o manobrista tenha certeza de que ele será parado em um estacionamento que, por exemplo, tenha seguro. Se for em um vallet, tente ir primeiro ao local que o carro ficará durante o tempo que você estiver em outro compromisso.

Você já teve problemas com manobrista? Compartilha com a gente a história.

Avalie este post

Quer saber mais? Veja Também!

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *