A previdência tem sido uma das alternativas de investimentos entre os brasileiros, por isso, falaremos um pouco mais neste texto sobre a previdência privada Santander.

Utilizada como uma forma de aposentadoria, a previdência privada é uma ótima forma de investimento a longo prazo, principalmente, para aquelas pessoas que não faz nenhum tipo de arrecadação de INSS, por exemplo. Para te ajudar na escolha explicaremos como funciona a previdência privada Santander neste texto. 

Para se ter uma ideia de como tem aumentado a procura deste tipo de serviço, só no primeiro semestre de 2022, a contratação de novos planos de previdência privada cresceu mais de 12% no Brasil, quando comparamos o mesmo período de 2021. Os dados foram divulgados pela Segundo dados da Susep (Superintendência de Seguros Privados).

Previdência privada Santander
Imagem de MART PRODUCTION / Pexels

Você sabe como funciona uma previdência privada?

Antes de entrar no detalhe sobre a previdência privada Santander, vamos explicar como funciona uma previdência privada, que é um tipo de investimento a longo prazo contratado por pessoas físicas, sem qualquer interferência do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), responsável pela aposentadoria.

Só um detalhe: ela não é focada apenas para querer aposentar e, sim, para as pessoas que estão à procura de realizar um investimento sem pressa para o resgate do valor.

Um ponto importante para se observar antes de finalizar o contrato são as taxas que serão cobradas pelo banco ou corretora. Existem três opções:

  • Taxa de administração – valor pago pela gestão do fundo. Como pode ser o valor alto, o ideal é encontrar uma previdência privada sem este tipo de pagamento;
  • Taxa de carregamento – este valor é cobrado todo mês e pode chegar até 3% do valor aplicado mensalmente. Dependendo do valor aplicado, alguns bancos, podem isentar o cliente deste pagamento;
  • Taxa de saída, que é a porcentagem que será descontada quando você solicitar a retirada do valor antes do prazo.

Além disso, também podemos encontrar dois tipos de planos que podem ser contratados. São eles:

1 – PGBL

Conhecido como o Plano Gerador de Benefício Definido é ideal para a pessoa que realiza a declaração de imposto de renda completa porque poderá acontecer o abatimento de 12% no momento de fazer o cálculo do imposto.

2 – VGBL

A sigla significa Vida Gerador de Benefício Livre é a opção ideal para as pessoas que fazem a declaração de imposto de renda simplificada com o desconto de 20%, que é o padrão.

Mais sobre a previdência privada Santander

Agora que você já sabe o que é uma previdência privada, vamos falar no detalhe sobre o produto de previdência privada Santander.

A primeira coisa que você precisa fazer é ir a uma agência do banco para fazer a simulação do valor que você deseja investir mensalmente e entender como ficaria o rendimento no prazo que deseja escolher para o dinheiro ser retirado.

Se você for correntista do banco, será mais fácil porque, para realizar a contratação, é só entrar no aplicativo no banco, que está disponível para Android e IOS.

A previdência privada Santander tem disponível os dois planos que citamos acima: PGBL e VGBL.

Mas, antes de contratar, é legal ter algumas respostas das perguntas abaixo na cabeça:

  • Qual é o prazo que você deseja começar e realizar as aplicações no plano que é melhor para você?
  • Qual é a data que você pensou em resgatar ou receber o valor investido?
  • Qual é o valor que você pretende resgatar todo mês quando o plano acabar?

Sobre as taxas que já explicamos acima, a previdência privada Santander também tem algumas cobranças previstas em contrato. Como por exemplo:

  • Taxa de administração;
  • Taxa de carregamento.

Além disso, o cliente encontrará duas tabelas para escolher a que mais se encaixa no seu plano. São elas:

1 – Tabela regressiva definitiva

Ideal para a pessoa que não estipular um prazo de resgate do dinheiro aplicado. Nesta opção, quanto mais tempo for o plano, menor será o percentual do Imposto de Renda.

2 – Tabela progressiva compensável

Aqui o resgate terá incidência de Imposto de Renda retido na fonte, que tem como base de porcentagem um valor único de 15%.

Para resgatar a previdência privada Santander também existem algumas formas como, por exemplo, prazo certo, temporário, Vitalícia, Vitalícia com prazo mínimo garantido, Vitalícia reversível ao beneficiário indicado e Vitalícia reversível ao cônjuge com continuidade aos menores.

Pronto! Agora que você já conhece mais detalhes sobre a previdência privada Santander, é necessário que você faça uma análise para conseguir realizar a contratação de uma forma certa e segura.

*Este texto é de conteúdo editorial e não garante a comercialização deste produto nesse site.

Avalie este post

Quer saber mais? Veja Também!

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *