Cote um seguro de vida online!

Em menos de cinco minutos você estará avaliando propostas com os melhores corretores do país!

Neste conteúdo, contamos tudo que você precisa saber antes de fazer um seguro de vida. Veja!

É sua oportunidade de entender bem essa opção e se ela vale a pena para você. Até porque, contratar o seguro de vida já se tornou bem comum. Para se ter uma ideia, em 2021, o acumulado dos prêmios desses seguros subiu 12,62%.

Afinal, essa é uma alternativa para aumentar a segurança financeira do indivíduo e da sua família. O apoio de uma seguradora em momentos difíceis pode garantir mais tranquilidade e também evitar apertos no orçamento.

O que você precisa saber antes de fazer um seguro de vida
Imagem: Getty Images

7 coisas que você precisa saber antes de fazer um seguro de vida

A seguir, listamos os principais aspectos que você precisa saber antes de contratar o seguro de vida. Assim, sua contratação será o mais acertada possível. Acompanhe!

1. Como funciona um seguro de vida?

Um seguro de vida é uma garantia para seu bem-estar e para o de sua família. Caso algo aconteça com você, a seguradora vai arcar com as despesas ou garantir a indenização.

Quais são as coberturas do plano e os valores de cobertura variam segundo o seguro contratado. Assim, é importante ter atenção para o que você estará segurado.

2. Valor da apólice e valor do prêmio são diferentes

No seguro de vida, existem dois valores importantes, o da apólice e o do prêmio, e eles são bem diferentes.

O valor da apólice é o valor que o segurado recebe, ou seus familiares recebem, caso uma situação segurada aconteça. Ou seja, o valor que os beneficiários daquele seguro recebem.

Já o valor do prêmio diz respeito ao preço do seguro, o valor que você vai pagar para ser segurado pela seguradora. Geralmente, esse valor total é parcelado, para facilitar seu pagamento.

Em geral, quanto maior o risco de sinistro, mais caro é o valor do prêmio. Ou seja, quanto maior a chance de a seguradora precisar pagar uma indenização, maior será o valor que ela vai cobrar para segurar o indivíduo. Porém, esse preço varia por empresa e também por outros fatores.

3. As coberturas disponíveis são variadas

Na hora de contratar um seguro de vida, você precisa escolher as coberturas que ele vai ter. Então, as situações em que, se acontecerem, você receberá uma indenização da seguradora.

As coberturas do seguro de vida podem ser, por exemplo:

  • Morte;
  • Doenças graves;
  • Invalidez funcional ou laborativa permanente total por doença;
  • Despesas médicas, hospitalares e odontológicas;
  • Invalidez permanente total ou parcial por acidente;
  • Diárias de incapacidade temporária ou internação hospitalar etc.

4. Existem períodos de carência e exclusões

Carência é o período entre a data da contratação do seguro de vida e o momento que ele começa a valer. Se algo ocorrer antes dessa data em que ele começa, o segurado fica desamparado.

Não é muito comum que o seguro de vida tenha carência. Porém, é essencial ter atenção a esse aspecto no contrato, pois ela pode existir.

Além disso, existem situações que são excluídas do seguro que, se ocorrerem, não serão cobertas. O suicídio premeditado, por exemplo, não é coberto. Assim como acidentes que acontecem sob a influência de álcool ou drogas e alguns tipos de desastres naturais.

5. É importante ser honesto

Na hora de cotar um seguro de vida, a seguradora solicita uma série de informações, especialmente médicas. Nesse momento, é fundamental ser honesto com a empresa.

familia reunida na cozinha, pai, mãe e duas filhas
Sua paz de espírito é valiosa. Cote já o seu seguro de vida e invista em um futuro seguro.

Mentir ou omitir uma doença pré-existente pode trazer muitas dores de cabeça depois. Se a seguradora perceber a má-fé das informações, pode negar a indenização quando ela for necessária.

6. Nem todas são boas seguradoras

No mercado, existem muitas seguradoras que oferecem seguro de vida. Isso não quer dizer, porém, que todas são vantajosas e confiáveis.

Assim, na hora de contratar seu seguro, vale a pena conferir a reputação da empresa. Para isso, você pode procurar pela opinião de outros clientes na internet e verificar como foi a experiência deles com a seguradora.

Veja aqui quais são as melhores seguradoras do Brasil!

Se perceber muitos problemas ou reclamações sobre uma marca, procure por outra. Isso deverá prevenir incômodos quando você precisar do apoio da empresa.

7. Seguro de vida é para todos

A crença de que seguro de vida é apenas para pessoas idosas é falsa. Qualquer pessoa, de qualquer idade, pode contratar um seguro de vida.

Pronto, esses são os pontos que você precisa saber antes de fazer um seguro de vida. Não se esqueça de analisar bem as ofertas e o contrato antes de optar por uma solução. Assim, você terá mais segurança com a proteção que contratar.

Avalie este post

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *