O que são carros de repasse?

Compartilhe em suas redes:

Para muitos carros de repasse são confundidos com os de revenda, mas existe uma grande diferença entre eles. Entenda qual é e quando compensa fechar um negócio desses veículos. 

Quando está à procura de um carro usado para comprar, sabe que é preciso pesquisar muito e em uma dessas buscas pode se deparar com anúncios que possuem a informação de carros de repasse.

Pode ser que esse detalhe passe despercebido, mas, quando se olha o tipo do veículo e seu valor então, relendo o anúncio perceberá esse detalhe.

O que costuma chamar a atenção em relação aos carros de repasse é que o valor pelo qual está sendo vendido costuma ser abaixo do preço de mercado. Porém, não é apenas isso que faz dele um carro de repasse.

O que são carros de repasse?

Entenda o que são carros de repasse

Para que fique mais claro, os carros de repasse são aqueles vendidos na situação que se encontram e não possuem nenhuma garantia por parte do vendedor.

Isso quer dizer que se acontecer algum problema mecânico ou estético o vendedor não se responsabiliza e quem comprou precisa arcar com todas as despesas.

Como o próprio nome já diz ele é um carro de repassem foi adquirido por uma empresa ou pessoa por algum motivo e agora está sendo vendido.

Tipos de carros de repasse

Existem duas situações em que é possível encontrar carros de repasse. Há os que estejam mal conservados, mas que as concessionarias acabaram aceitando como entrada na compra de um carro novo.

Normalmente eles passam por uma revisão geral, só que na hora de revender por já terem indícios de alguns problemas, entre eles peças gastas ou pintura danificada são vendidos como veículos de repasse.

Uma outra situação é quando o carro é adquirido pela concessionaria também como entrada, mas, ele está conservado e em boas condições.

Entretanto, pelo fato do modelo ter uma baixa demanda de mercado, a concessionária deixa de investir nele realizando as manutenções. Para que ele seja vendido logo é comercializado por um valor mais baixo como carro de repasse.

Revenda x carro de repasse

Existe uma diferença entre revenda e carros de repasse, apesar de ambas poderem ser praticadas por concessionárias.

A revenda consiste em vender um veículo seminovo ou usado com todas as suas garantias conforme prevê o Código de Defesa do Consumidor (CDC). Isso significa que por pelo menos 90 dias o comprador poderá ter o suporte para caso apareçam problemas no veículo.

O preço dos veículos comercializados na revenda costumam ser o de mercado por conta dessa garantia existente.

Já os carros de repasse não possuem essa garantia e no contrato de venda costuma ser inclusa uma clausula que informa que o veículo está sendo comercializado na situação em que se encontra e sem que haja nenhuma garantia.

Compensa comprar carros de repasse?

Se está pensando em comprar um carro nessa situação é preciso avaliar bem antes de fechar negócio.

Em alguns casos pode ser vantajoso, por exemplo, quando o veículo está bem conservado e não apresenta problemas aparentes.

Até mesmo quando tem pequenas complicações, mas você souber fazer a manutenção ainda pode compensa, uma vez que não haverá custos com mão de obra.

Por isso, antes de comprar é indicado levar um mecânico de sua confiança para fazer a avaliação e verificar se não existe nenhum problema grave. Afinal, não adianta pagar pouco pelo carro e depois ter de gastar muito dinheiro para consertar.

Quando o veículo está muito danificado ou apresentando vários problemas, pode ser interessante deixar o negócio de lado. Nesse caso ele serviria mais para desmanche e revenda de peças.

Agora quando se deparar com anúncios informando que se tratam de carros de repasse já sabe o que quer dizer e o que avaliar para decidir pela compra.

Após adquirir o seu veículo não esqueça de continuar cuidando dele, para isso faça uma cotação de um seguro.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:


Compartilhe em suas redes:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *