Home care no plano de saúde: saiba o que cobre e como funciona

O home care no plano de saúde muitas vezes é o motivo pelo qual as pessoas buscam fazer a contratação desse tipo de serviço.

Mas para contratar de forma efetiva é necessário saber a cobertura, como ele funciona e quais benefícios oferece.

Home care no plano de saúde: saiba o que cobre e como funciona

Imagem: Getty Images

O que é home care?

Home care é um termo em inglês, mas também usado no português para se referir ao tratamento de saúde prestado dentro da casa do paciente.

Geralmente é indicado por algum tipo de médico ou pode ser solicitado pelo paciente para ter mais conforto em suas consultas e tratamentos.

É um tipo de serviço prestado por uma equipe multidisciplinar com profissionais adequados para as necessidades do paciente.

Dentro desse serviço podem existir consultas, internação, monitoramento remoto, aplicação de medicamentos e exames.

É importante ressaltar que esse tipo de serviço é diferente do que é prestado pelos cuidadores. Estes que oferecem apoio básico, não necessariamente sendo médicos ou enfermeiros.

Eles oferecem auxílio para idosos e pessoas que estão debilitadas por algum tipo de doença que afete a autonomia.

Enquanto o home care é mais voltado para profissionais da saúde, geralmente oferecendo assistência 24 horas por dia e estando disponível para suporte via telefone o dia inteiro.

Esse serviço é indicado principalmente para pacientes estáveis que não precisem ficar 100% do tempo no hospital. Geralmente são portadores de doenças crônicas que afetem a mobilidade e autonomia.

Os médicos costumam indicar esse tipo de tratamento principalmente para pacientes oncológicos, hoje em dia, existe até mesmo a quimioterapia a domicílio.

É coberto pelo plano de saúde?

Apesar de não estar no Rol de procedimentos da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), o home care pelo plano de saúde é prestado em certas situações.

O convênio não é obrigado por esse órgão a fazer esse tipo de atendimento, porém, é determinado pela justiça que é importante que esse atendimento seja prestado para algumas pessoas.

Por exemplo, se alguma pessoa sofrer um acidente que prejudique sua autonomia e mobilidade, ela pode precisar de um atendimento especializado e fisioterapia.

Nesse caso, geralmente os médicos recomendam repouso integral, mas com as idas ao hospital para retornos e outras situações, o paciente acaba sendo exposto a outros riscos.

Essa discussão sobre o plano de saúde cobrir o home care não existe desde hoje, na verdade, é muito antiga e centenas de pessoas já passaram pela justiça para reaver seu direito.

Sendo assim, a justiça já atendeu para o lado dos pacientes diversas vezes, garantindo aos clientes que o plano de saúde deve cobrir essas despesas, mesmo que não seja um atendimento obrigatório.

Isso porque o contrato do plano de saúde prevê a manutenção da saúde, e é isso que o atendimento domiciliar propõe.

Quem pode solicitar?

Como mencionado anteriormente, pessoas que tiveram acidentes que comprometeram a autonomia e mobilidade, podem fazer essa solicitação, mas existem outras condições também.

Pacientes que possuem sequelas de AVC, necessidades alimentares especiais via sonda ou alimentos específicos também entram nessa categoria. Assim como quem faz oxigenoterapia e precisam de medicações endovenosas.

Quais os benefícios do home care?

Para ser indicado pelos médicos, é esperado que esse tipo de atendimento e continuidade do tratamento tragam benefícios, certo? Portanto, veja quais são eles.

O primeiro deles é a humanização dos atendimentos prestados, já que o paciente acaba criando um vínculo com a equipe, além de ter a família sempre por perto para que continue interagindo com a rotina normal de onde reside.

A atenção individualizada também permite que a mínima mudança no quadro do paciente seja notada, prevenindo problemas antes mesmo que eles aconteçam.

É também uma forma de garantir segurança para pacientes, por exemplo, para aqueles que possuem uma situação delicada e a movimentação poderia acarretar mais riscos.

Outro ponto importante é que se esse tipo de atendimento for possível e indicado, ele acaba gerando a liberação dos leitos, o que notamos ser algo muito importante durante esses dois últimos anos de pandemia.

São muitos os benefícios de ter um atendimento especializado em home care, o paciente acaba até mesmo tendo menos riscos de infecção hospitalar. Portanto, se esse for o caso, entre em contato com o seu plano de saúde para saber como continuar.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.