5 dicas para escolher o melhor seguro residencial

Na hora de contratar seu seguro residencial, vale a pena ter atenção a alguns pontos. Assim, sua escolha será a mais acertada, com cobertura exatamente para o que você precisa.

Ter um seguro residencial pode ser uma ótima opção para sua casa. Com ele, você vai contar com auxílio da seguradora após imprevistos, além de indenização.

Então, se um cano estourar, por exemplo, a empresa pode enviar um encanador para resolver o problema. Agora, se algo for roubado, você receberá indenização do valor correspondente ao objeto levado.

Ou seja, o seguro é uma opção que traz comodidade e evita prejuízos. Pode ser ótimo para sua tranquilidade e da sua família.

Por isso, listamos algumas dicas para você escolher o melhor seguro residencial. Mas antes, vale destacar: cada seguradora oferece coberturas específicas. Atenção à sua apólice! As situações que apresentamos são apenas exemplos, e talvez não valham para seu seguro.

5 dicas para escolher o melhor seguro residencial

Imagem: Getty Images

Veja agora como escolher o melhor seguro residencial!

1. Conheça suas necessidades

Um dos pontos principais na hora de escolher um seguro para imóvel é pensar quais são suas necessidades.

As seguradoras oferecem diferentes coberturas, e cada cobertura contratada significa um valor a mais a ser pago pela proteção.

Então, conhecendo o que você precisa, será possível limitar as coberturas na apólice. Isso vai te ajudar a economizar, eliminando as proteções que não fazem sentido ao seu caso.

Além disso, as coberturas oferecidas são diferentes em cada seguradora. Se você souber quais suas necessidades, terá mais facilidade em encontrar a empresa ideal.

2. Indique as coberturas desejadas

Agora que você já sabe o que precisa, poderá selecionar as coberturas do seu seguro. A vantagem de um seguro residencial é que ele é bastante personalizável. Basta conversar com a seguradora e dizer o que você deseja.

Normalmente, as coberturas disponíveis no seguro para imóvel são:

  • Roubo ou furto de objetos;
  • Danos elétricos;
  • Desmoronamento;
  • Eventos naturais (vendaval, granizo, furacão, tornado e ciclone);
  • Incêndio ou explosão;
  • Alagamentos e enchentes;
  • Fumaça;
  • Queda de aeronave;
  • Danos a terceiros (Responsabilidade Civil Familiar);
  • Quebra de vidros;
  • Roubo ou furto de bicicleta;
  • Negócios em casa etc.

3. Análise o valor da apólice

O valor da apólice é o valor da indenização que você vai receber em caso de sinistro. É importante conhecer o montante, para ter a certeza de que ele será suficiente se algo acontecer.

Para isso, converse com o corretor de seguros ou com a seguradora. Avalie o quanto será pago para cada tipo de sinistro e, se for o caso, peça atualização dos valores.

4. Conte com o auxílio de um corretor

O corretor de seguros é um especialista e pode ser de grande ajuda na hora de contratar um seguro residencial. Afinal, ele poderá orientar quanto às melhores coberturas e seguradoras e o valor ideal de indenização.

Outro ponto interessante é que os corretores têm acesso mais fácil às seguradoras. Por isso, é mais simples para eles negociar bons preços. Pode ser interessante para você encontrar uma boa oferta e pagar menos pelo seguro. Sem, claro, contar com a proteção que seu imóvel.

Além do contato presencial ou por telefone com o corretor, você pode optar pela cotação online. Costuma ser uma opção rápida para conhecer suas opções de seguro para imóvel.

5. Pesquise bem sobre a seguradora

Na hora de contratar um seguro residencial, é essencial ter a certeza de que a seguradora escolhida é confiável.

Existem muitas empresas no mercado, mas nem sempre elas oferecem um bom atendimento. Por exemplo: pode ser que, na hora de registrar o sinistro, a empresa complique as coisas, ou não cumpra com os prazos acordados.

Fazer uma boa pesquisa vai evitar que você escolha uma seguradora com esse tipo de atitude. Ao contratar um seguro, você deseja ter assistência o mais rápido possível quando necessário. Algo que fuja disso será bastante incômodo.

Para verificar a reputação da seguradora, você pode contar com o auxílio do corretor. Afinal, como dissemos, o profissional é um especialista no assunto e terá fácil acesso para essa análise.

Mas também é importante que você faça essa pesquisa por conta própria. Assim, você vai conhecer tudo o que precisa sobre o negócio.

Para sua análise, você pode avaliar as redes sociais da empresa. A página da seguradora no site Reclame Aqui também é uma ótima opção. Nesses espaços, os usuários que já contrataram um seguro costumam ser bastante sinceros sobre o atendimento que recebem.

Pronto! Agora você já sabe como contratar o melhor seguro residencial. Lembre-se: a análise cuidadosa é sua melhor opção. Mesmo que o seguro seja uma urgência, contratá-lo sem uma boa avaliação pode vir a se tornar uma grande dor de cabeça.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *