6 dicas importantes ao simular um consórcio

Se você está pensando em contratar um consórcio, deve saber que realizar várias simulações é um passo fundamental. Para ajudar nesse processo, criamos este artigo com 6 dicas importantes ao simular um consórcio, acompanhe.

Uma das linhas de crédito mais acessíveis para comprar um veículo, um imóvel ou mesmo contratar um serviço de valor maior, sem comprometer seu orçamento é fazendo um consórcio.

No entanto, para que a contratação desse serviço seja feita da melhor forma, o primeiro passo é realizar o maior número possível de simulações.

Quanto maior for o número de empresas pesquisadas, maiores serão as chances de fazer um excelente negócio.

Se você está pensando em contratar um consórcio, mas ainda não sabe ao certo o que considerar na hora da simulação, ou mesmo como esse tipo de linha de crédito funciona, acompanhe este artigo e entenda melhor o assunto.

6 dicas importantes ao simular um consórcio

Imagem: Getty Images

Como funciona o consórcio?

Antes de dar algumas dicas importantes ao simular um consórcio, vale a pena você entender melhor como essa linha de crédito funciona.

A primeira coisa que precisa ficar clara é que, através do consórcio você não terá acesso imediato ao bem desejado.

Diferentemente dos financiamentos e empréstimos pessoais, onde você pega um valor x emprestado para comprar o bem desejado e depois paga esse valor mensalmente, através de parcelas acrescidas de juros e diversas taxas.

No consórcio, você define o valor necessário para a compra do bem, o número de parcelas mais adequado para seu orçamento e começa a pagar as mensalidades.

Para que você possa comprar o seu bem é preciso que você seja contemplado com a carta de crédito.

Essa contemplação acontece geralmente uma vez ao mês, através de um sorteio.

Ou seja, você pode ser contemplado logo no primeiro mês de pagamento do consórcio, como no último.

Outra diferença importante a ser mencionada é que essa linha de crédito não possui juros.

A única taxa cobrada além do valor das parcelas é uma taxa administrativa que serve para custear o serviço prestado pela empresa de consórcio.

Essa linha de crédito não possui acréscimo de juros, porque ela trabalha com um fundo de poupança coletiva.

Ou seja, todos os meses a administradora reúne o valor da carta de crédito através do pagamento das mensalidades de todos os participantes do grupo de consórcio.

Conheça as 6 dicas importantes ao simular um consórcio

Vamos supor que você esteja querendo comprar um carro através de um consórcio, é importante que antes de contratar essa linha de crédito, você realize o maior número possível de simulações.

Mas não basta apenas entrar nos sites, clicar em ‘fazer simulação’ e procurar pelo menor valor de parcela, existem algumas dicas importantes que precisam receber a devida atenção.

Veja a seguir quais são as 6 dicas importantes ao simular um consórcio.

  1. Escolha o valor do crédito com atenção

Se a ideia é comprar um produto que pode sofrer reajustes durante o período de parcelamento do consórcio, considere essa possibilidade na hora de escolher o valor total da contemplação.

  1. Esteja atento às parcelas

Agora, se você fizer um consórcio de carro de um modelo específico, é importante que se informe sobre os reajustes nas parcelas de acordo com aqueles realizados no preço de mercado do veículo.

Pois, eles podem fazer com que o valor das parcelas aumente ou diminua, ao longo do pagamento.

  1. Escolha o melhor plano para seu bolso

Considere todas as variáveis que pode haver em uma negociação como essa, desde valor do crédito e das parcelas, até a taxa administrativa a cobrança de possíveis seguros e do fundo de reserva.

Tudo isso influenciará no valor final a ser pago por você e, em alguns casos a junção desses valores pode fazer com que o consórcio não valha a pena.

  1. Prefira empresas confiáveis

Existem muitas administradoras de consórcio no mercado, mas nem todas estão devidamente cadastradas junto ao Banco Central do Brasil, ou operam de maneira complemente legal e idônea.

Por isso, é importante estar atento a reputação da empresa em questão.

  1. Saiba negociar

Além de conseguir melhores taxas administrativas e possíveis descontos nas parcelas, negocie com cuidado o valor da carta de crédito também.

Afinal, você poderá usar uma parte de seu valor para pagar serviços como a documentação do veículo, a contratação de um seguro auto e mais.

  1. Não esqueça nenhum detalhe

Antes de começar a realizar as simulações de consórcio, saiba que é fundamental fazer um bom planejamento financeiro para se ter uma ideia do valor mensal mais adequado a ser contratado.

Lembre-se que, depois de escolher as melhores propostas de simulações de consórcio, é importante conhecer bem as diretrizes e regras da empresa presentes no contrato.

Ou seja, leia todo o contrato com muita atenção e tire todas as suas dúvidas antes de assiná-lo.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *