Como funciona o consórcio de carros

| Autor: Jeniffer Elaina

Se você está em busca de uma maneira para realizar o sonho de ter um carro novo, sem a necessidade de arcar com juros abusivos, vale a pena acompanhar este artigo e entender melhor como funciona o consórcio de carros.

Quem nunca sonhou em ter um carro para poder ir e vir com mais conforto a todos os lugares?

Se você é uma dessas pessoas, sabe que nem sempre a realização desse sonho é simples.

A compra de um carro pode ser feita através de um financiamento ou mesmo à vista, mas para isso ou você se dispõe a pagar altas taxas de juros na primeira alternativa, ou paga um alto valor de uma vez.

Esta última possibilidade, infelizmente não faz parte da realidade da maioria dos brasileiros.

Sendo o parcelamento a única alternativa, no entanto, na tentativa de fugir dos financiamentos com altos índices de juros, a procura pelo consórcio de carros tem crescido muito nos últimos tempos.

Neste artigo explicaremos melhor porque o consórcio de carros tem sido tão procurado, quais são suas principais vantagens, como fazê-lo e como funciona o consórcio de carros no país.

Acompanhe e entenda melhor o assunto!

Como funciona o consórcio de carros

Imagem: Getty Images

Por que o consórcio de carros vem crescendo no país?

Segundo a ABAC – Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios, o consórcio de carros teve um aumento de 10% no ano de 2018, com a venda de 2,2 milhões de unidades de cotas, cotas são os contratos de consórcio.

Já no início do ano de 2019 o aumento desse setor foi de 4,6%, sendo que, apenas no mês de janeiro houve a compra de 166,2 mil unidades de cotas de consórcios de veículos.

De acordo com o último levantamento realizado pela ABAC em março de 2019, no primeiro trimestre deste ano as vendas de consórcios de veículo foram de 301,5 mil novas cotas para veículos leves, 247 mil cotas para motocicletas e 315 mil cotas para veículos pesados.

Esse aumento na procura por esse tipo de linha crédito, não apenas para a compra de veículos como de imóveis, serviços e eletroeletrônicos, se deve principalmente ao fato de que o consórcio não conta com a incidência de juros nas parcelas.

O que é e como funciona o consórcio de carros?

O consórcio é uma linha de crédito que permite aos seus participantes conquistarem bens através de um pagamento parcelado e sem a incidência de juros.

No caso do consórcio de carros é possível comprar veículos de qualquer marca e modelo através de um parcelamento acessível.

O fato desse tipo de serviço não contar com taxas de juros, faz com que o consórcio de carros seja muito procurado.

No consórcio, diferentemente do financiamento, o cliente compra uma cota, e passa a pagar as mensalidades, quando contemplado, tem acesso à carta de crédito e pode então comprar o veículo desejado.

É comum algumas pessoas considerarem esta linha de crédito como um tipo de investimento, uma vez que, como mencionado, o veículo não pode ser adquirido na hora, apenas de um tempo que pode variar de acordo com a sorte ou a disponibilidade financeira para um lance.

A pessoa que opta pelo consórcio pode entrar em um grupo novo ou já em andamento, escolhendo entre as opções disponíveis o valor da cota que será paga.

Todos os meses é preciso pagar a administradora do consórcio o valor estabelecido e esse dinheiro vai formando uma espécie de poupança coletiva.

O valor acumulado através do pagamento das parcelas de todos os participantes do grupo é usado para promover a carta de crédito para a compra do carro de quem for contemplado.

Todos os meses ocorre um sorteio onde um ou mais consorciados são contemplados e recebem a carta de crédito.

Além dos sorteios, é possível conseguir também a carta de crédito através de um lance, como em um leilão.

O consorciado que oferece o maior lance, leva a carta de crédito e pode comprar o veículo desejado.

É importante deixar claro que, o valor oferecido no lance é descontado nas parcelas futuras do consorciado em questão.

Além disso, tanto quem é contemplado através do sorteio como quem é através do lance deve continuar pagando as parcelas de sua cota como estabelecido em contrato até o final dele.

Como participar do consórcio?

Para participar do consórcio de carro é preciso primeiro escolher uma administradora de consórcios.

Existem diversas empresas disponíveis no mercado, mas, sempre vale a pena analisar se ela possui um bom histórico.

Depois de escolher a empresa é preciso verificar quais são as opções relacionadas a modelo, valores e planos de pagamento que ela possui disponíveis.

A escolha do grupo costuma depender do tempo de duração do consórcio e do valor a ser pago.

Existem parcelas pequenas que normalmente são de grupos com maior duração e com valor mais alto, mas que terminam mais rápido.

Existem consórcios que chegam a durar até 8 anos.

Após fazer a adesão, todos os meses será preciso pagar o valor correspondente a cota para continuar fazendo parte do grupo e posteriormente receber o valor total estipulado no contrato, através da contemplação por sorteio ou lance.

É possível fazer um consórcio de carros usados?

Se você deseja ter um veículo, mas não se importa que ele seja de segunda mão, ou até mesmo não tem condições de investir em um carro zero quilômetro, nem mesmo através de um consórcio, não se preocupe.

É sim possível fazer um consórcio de carros usados.

A única diferença deste tipo de linha de crédito para a opção de um veículo zero quilômetro é que ao invés de contratar uma cota de consórcio para um modelo específico, você contratará uma cota de um valor específico.

Assim, quando for contemplado, poderá comprar qualquer veículo usado dentro do valor da sua carta de crédito.

Basta escolher o veículo e entregar a carta de crédito, a administradora do consórcio se encarregará de finalizar o processo de compra.

Como ser contemplado?

Pagando em dia todas as parcelas, os membros do grupo participam mensalmente de um sorteio.

O número de sorteados depende do que é determinado para aquele grupo, por exemplo, pode ser tanto apenas um consorciado por mês, como dois ou mais.

Quem for contemplado recebe a carta de crédito, e como essa contemplação geralmente acontece através de um sorteio, é possível que a pessoa receba a carta de crédito tanto no primeiro mês como no último.

No entanto, se o consorciado tiver algum dinheiro guardado pode antecipar o recebimento da carta de crédito através de um lance.

Esse lance nada mais é do que a oferta de um valor, que servirá para antecipar as demais parcelas, se ele for o maior a pessoa é contemplada, não havendo necessidade de ser sorteada.

Neste caso, o consorciado responsável pelo maior lance vence, e leva a carta de crédito para comprar o carro.

Os demais participantes que também realizaram lances, recebem seu dinheiro de volta, e podem fazer uma nova tentativa no futuro.

O que é a carta de crédito?

Dissemos que ao ser contemplado a pessoa receberá uma carta de crédito, esta nada mais é do que um documento que permite a compra do veículo.

Com a carta de crédito em mãos, o consorciado poderá comprar o veículo entregando-a ao vendedor.

Que posteriormente poderá convertê-la em dinheiro entrando em contato diretamente com a administradora do consórcio.

Vamos supor que o consórcio é para a compra de um veículo no valor de R$ 50 mil.

Ao ser sorteada a pessoa não receberá esse valor em dinheiro, mas, na forma de uma carta de crédito, isso garantirá que ele será usado exclusivamente para a compra de um carro.

Quando a carta de crédito é feita, ela normalmente é destinada para a compra de um modelo determinado de veículo.

Porém, o contemplado poderá optar por outro no momento da compra, pois, nesse caso o que vale é o valor.

Como comprar um carro usando a carta de crédito?

Quem estiver comprando o veículo, apresentará a carta de crédito na concessionária para demonstrar que possui o valor disponível.

Depois de escolher o carro, o contemplado avisa a administradora do consórcio de carros para que ela pague pelo carro a concessionária.

E o veículo tiver um valor maior, a carta cobrirá até o limite e o contemplado deverá pagar pela diferença.

Um carro de R$ 70 mil, R$ 50 mil será da carta e a diferença de R$ 20 mil ficará por conta de quem está comprando.

Porém, se o carro custar, por exemplo, R$ 45 mil, o saldo que sobrar da carta de crédito poderá ser utilizado para pagar outros custos relativos à compra do carro.

Entre eles transferência, IPVA e seguro.

A vantagem de usar uma carta de crédito é que o valor é pago à vista, dessa forma é possível conseguir melhores condições de compra do que se fosse financiar o carro.

Mas, vale um ponto de atenção, após comunicar a administradora da intenção de compra, o valor é liberado a concessionária em até 72 horas.

Outro ponto que merece atenção é o fato de a carta de crédito possuir uma validade.

Ela poderá ser utilizada apenas até o término do consórcio, ou após 6 meses da data da contemplação.

Existem juros no consórcio de carros?

Não, o consórcio não cobra juros das pessoas que estão pagando as cotas.

Todo o dinheiro investido fica rendendo e os únicos valores cobrados são referentes a taxa de administração que costuma ficar entre 15% e 20% e o fundo reserva, algo em torno de 2%.

Essa taxa é paga a empresa para que ela possa organizar os grupos e guardar o dinheiro que está sendo investido.

Além disso, as parcelas podem sofrer reajuste, mas isso acontece apenas nos casos de consórcio para a compra de modelos específicos e sempre de acordo com o valor de tabela do carro.

Como é definido o valor das parcelas? E se eu atrasar?

O valor das parcelas depende do valor da carta de crédito, tempo de duração do consórcio, taxa de administração e reajuste da tabela de veículos.

Esse valor é informado pela administradora do consórcio de carros e pode variar bastante conforme o grupo que for participar.

É fundamental que as parcelas sejam pagas todos os meses sem atrasos com o seu valor integral para que possa ter acesso a carta de crédito no caso de ser contemplado.

Mesmo quem for sorteado precisará continuar pagando o consórcio até o final.

Vamos supor que a pessoa recebeu a carta no 4º mês, ela poderá comprar o seu carro e terá que pagar todas as parcelas conforme havia sido combinado.

Quando ocorre o atraso no pagamento das parcelas há incidência de juros e multa e, esses devem ser pagos até o próximo sorteio para a pessoa ser incluída nele.

Se muitas parcelas ficarem em atraso há o risco de a pessoa ser excluída do grupo.

No caso de a pessoa já ter sido contemplada e ficar inadimplente, ela será cobrada e se o atraso continuar poderá ser acionado judicialmente e ter o automóvel apreendido.

Se eu quiser deixar o consórcio como fica?

Se não quiser mais continuar com o consórcio ou não tiver condições de arcar com os pagamentos, existem algumas opções.

Uma delas, e provavelmente a mais viável, é encontrar uma pessoa interessada em comprar sua cota e assumir a participação no consórcio, funcionaria como uma espécie de transferência.

Caso seu problema seja relacionado a redução orçamentária, é possível também verificar com a administradora a possibilidade de trocar de grupo para um que esteja com as cotas mais baratas.

Existe ainda a possibilidade de pedir o cancelamento do consórcio e a exclusão do grupo.

Nesse caso você deixará de pagar as parcelas, e poderá receber todos os valores pagos até o momento do cancelamento.

No entanto, isso só acontecerá quando sua cota (já cancelada) for contemplada em um dos sorteios do grupo.

Vantagens do consórcio

O consórcio é uma modalidade bastante atraente em diversos pontos. Veja algumas de suas vantagens:

  • Não há cobrança de juros nas parcelas;
  • Garantia de que o valor da carta de crédito será suficiente para comprar o modelo desejado, já que existem reajustes das parcelas;
  • A contratação do consórcio de carros não é burocrática;
  • Pode ser usado na compra de carros novos ou usados;
  • Passa a ser um investimento;
  • É possível encontrar cotas que caibam no orçamento;
  • Apesar da carta de crédito só poder ser utilizada pelo titular, ela pode ser utilizada para comprar carros para outras pessoas, por exemplo, um filho;
  • Não é preciso ter uma renda alta para ser aceito em um grupo.

Para quem ele é indicado?

  • Para pessoas que não precisam do carro com urgência;
  • Quem deseja comprar um automóvel, mas, não consegue guardar dinheiro;
  • Pessoas que desejam investir em um bem para aquisição futura;
  • Quem não quer pagar taxas altas de juros.

Quais são as empresas que oferecem consórcio de carros?

Existem inúmeras empresas no mercado que trabalham com diferentes tipos de consórcios, incluindo o consórcio de carro.

No entanto, quando a ideia é a compra de um veículo, é comum que as pessoas busquem por consórcios oferecidos diretamente por montadoras como:

  • Consórcio de carros Chevrolet;
  • Consórcio de carros Volkswagen;
  • Consórcio de carros Fiat;
  • Consórcio de carros Honda;
  • Consórcio carros Hyundai.

Além dos consórcios oferecidos pelas montadoras é comum também encontrar boas condições e taxas oferecidas por instituições financeiras como é o caso do consórcio de carros Bradesco.

Como escolher uma administradora de consórcio?

Para escolher uma administradora é importante que além de uma pesquisa de mercado, seja feito uma verificação junto ao Banco Central, para saber se a empresa possui autorização para atuar.

Além disso, é importante se informar sobre a reputação delas, para isso o melhor caminho é pesquisar sobre reclamações da empresa e satisfação dos clientes.

É importante que essa pesquisa seja feita com atenção, para que seja possível avaliar se ela presta um bom atendimento e suporte.

Uma maneira de fazer isso é pesquisando online através de sites como o Reclame Aqui, por exemplo, e conversando com outras pessoas que possuem cotas de consórcio de carros nessas empresas ou mesmo já foram contempladas e quitaram suas cotas.

Avaliar o valor da taxa de administração e as condições que são oferecidas também é importante e pode ajudar muito na decisão final por uma administradora.

Agora já sabe tudo sobre consórcio de carros e pode se organizar financeiramente e começar a pensar no seu próximo veículo.

*Este texto é de conteúdo editorial e não garante a comercialização deste produto nesse site.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *