5 coisas que os ladrões de carros gostam e você precisa saber

Compartilhe em suas redes:

Dentre as coisas que os ladrões de carros gostam estão os carros prata e o mês de julho.

Muita gente acredita que os bandidos roubam os carros ao acaso. É certo que se o roubo for facilitado isso realmente irá acontecer, mas essa não é uma regra.

Para não serem apanhados os ladrões escolhem muito bem quais carros serão roubados e em que situação, afinal, eles não querem ser pegos em flagrante.

Mas, você sabe quais são as coisas que os ladrões de carro gostam? As preferências incluem corres, ano, modelo e outras características. Veja um pouco mais sobre isso

5 coisas que os ladrões de carros gostam e você precisa saber

Coisas que os ladrões de carros gostam

O veículo dos seus sonho que pode ser um esportivo super caro, nem sempre é o desejo de quem rouba.

Ladrões escolhe os carros que irão roubar e tem uma justificativa para isso, entenda quais são.

1 – Roubos em vias públicas

Os assaltos ocorrem com muito mais frequência em vias públicas, isso porque os motoristas estão desprotegidos e o acesso ao carro é muito mais fácil.

Para se ter uma ideia, a Secretaria de Estado da Segurança Pública do Estado de São Paulo fez um levantamento desses dados.

Em 2017, mais de 70% dos roubos a veículos foram em vias públicas, um total de 17.423 casos. Os roubos de carros em residências ficou em 1.417.

Quando estiver andando de carro pelas ruas é preciso sempre estar atento e evitar estacionar em vias públicas.

1 – Preferência pela cidade de São Paulo

De todas as cidades do Estado de São Paulo, a capital registrou 50% dos casos. Isso indica que o furto de veículos se concentra na capital.

Isso pode ser devido à grande frota de veículos como também a facilidade de fuga por diversas vias.

Quem precisa circular pela capital não tem muito o que fazer, mas redobrar a atenção, não andar com os vidros abertos e evitar rotas desconhecidas pode ajudar na prevenção ao roubo.

3 – A cor do carro

Os ladrões gostam de carros que irão se misturar aos demais sem chamar a atenção. Dificilmente você verá um carro rosa ou laranja ser roubado, pois facilmente seria notado.

Por isso as cores mais tradicionais são as mais visadas. Em primeiro lugar aparece o prata com 30% dos roubos, na sequência vem o preto (23%), branco (16%) e cinza (15%).

Então, quando for adquirir o seu próximo carro a dica é evitar as cores tradicionais. Busque inovar e afaste os bandidos.

4 – Mês de férias

O meses de férias todo mundo acha que pode relaxar um pouco, porém, julho foi o período de maior número de roubos entre junho e novembro.

Apesar do número de casos ser apenas um pouco maior, a atenção não deve ser deixada de lado, assim como o cuidado de não estacionar em locais escuros, deixar objetos dentro do carro ou dispensar itens de segurança.

5 – Modelos de carros

Os carros populares costumam ser os preferidos para quem está buscando trocar de veículo, pois possuem um valor mais acessível.

Só que a grande frota nas ruas, faz com que eles sejam mais visados, pois possuem um valor de mercado interessante para revenda e há grande procura por suas peças.

Os carros mais roubados acabam figurando na lista dos mais vendidos, entre eles o HB20, Onix, Uno, Fox e Gol.

Uma dica aqui é optar por veículos que não possuam um alto índice de roubo e se já tive um deles vale a pena investir um equipamentos de segurança como alarmes e rastreadores.

Em todos os casos existe uma coisa que não previne o roubo, mas o prejuízo financeiro caso ele ocorra: o seguro auto.

Vale a pena investir nesse serviço e ter um pouco mais de tranquilidade em relação ao seu carro, para espantar os ladrões de carros.

Por isso, faça uma cotação de um seguro auto e contrate o quanto antes essa proteção.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:


Compartilhe em suas redes:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *