Seguro de vida: tudo que você precisa saber

O seguro de vida pode ser utilizado com a pessoa em vida. Entenda como funciona o seguro de vida, quem pode ter um seguro de vida, o que é coberto pelo seguro de vida, como é feita a indicação dos beneficiários, a diferença entre seguro de vida e seguro de acidentes pessoais e muito mais.

O seguro de vida é um produto com nome conhecido, porém, o seu funcionamento ainda causa muitas dúvidas.

Os questionamentos variam bastante e incluem desde as coberturas oferecidas até os momentos de utilização.

Para te ajudar a entender melhor sobre o seguro de vida, preparamos esse mini-guia com todas as informações.

seguro-de-vida

O que é o seguro de vida?

O seguro de vida é um proteção que você pode contratar e que oferece algumas coberturas. Quando o segurado falece ou sofre alguma lesão que o seguro cubra, ele ou os familiares são indenizados pela seguradora.

Para que o seguro ofereça todas as garantias, o indicado é que ele seja disponibilizado por uma seguradora vinculada a Superintendência de Seguros Privados (SUSEP).

Qual a diferença entre o seguro de acidentes pessoais e o seguro de vida?

O seguro de acidentes pessoais possui cobertura apenas em casos de morte ou invalidez acidental. O seguro de vida possui coberturas mais abrangentes incluindo além de acidentes, as causas naturais ou doenças.

Quem pode ter um seguro de vida?

Qualquer pessoa pode contratar um seguro de vida e garantir que os beneficiários recebam a indenização. Porém, menores de 14 anos só podem adquirir as coberturas por sobrevivência ou coberturas de riscos relacionadas ao reembolso de despesas.

Vale ressaltar que as pessoas com mais de 65 anos podem ter dificuldade para contratar um seguro, pois esse é o limite de idade da maioria das seguradoras.

Quais as coberturas que o seguro oferece?

Isso pode variar de uma seguradora para outra, mas no geral ele cobre morte, invalidez total ou parcial e algumas doenças. Porém, algumas seguradoras contam com benefícios adicionais como a assistência funeral, portanto é preciso verificar na apólice o que está incluso.

Suicídio é coberto pelo seguro de vida?

Sim, mas existe uma regra diferente para essa situação. A indenização só será paga se ocorrer 24 meses após a adesão do serviço.

Como é calculado o valor do seguro de vida?

O valor vai variar de acordo com a idade da pessoa protegida e das coberturas e valores da indenização contratados.

Como é feita a indicação dos beneficiários?

Ao contratar o seguro de vida é possível escolher quem serão os beneficiários, ou seja, quem receberá a indenização. É preciso indicar os nomes e documentos para que eles constem na apólice.

Se não for indicado ninguém como beneficiário e o cliente vier a falecer, a indenização será paga para o cônjuge e caso houver filhos eles ficarão com a outra metade do valor.

Como funciona o seguro de vida para empréstimos?

É possível contratar um seguro de vida e dar a garantia do pagamento do empréstimo caso ocorra alguma coisa com o contratante.

Nesse caso, a indenização será paga diretamente a financeira ou a banco.

Posso contratar um seguro de vida já estando doente?

Existe essa possibilidade, porém a seguradora deve aprovar essa adesão. Nesse caso o valor do seguro será mais alto, uma vez que os riscos aumentam.

Quem pratica esportes radicais pode contratar um seguro de vida?

Sim. Só que os praticantes de esportes radicais têm um maior risco de sofrer acidente sou vir a falecer em função da atividade.

Algumas seguradoras podem recusar o seguradora conforme o esporte praticado ou elevar o custo do seguro de vida.

Posso ter mais de um seguro de vida?

Sim, você pode contratar quantos seguros de vida quiser. E no caso de falecimento os beneficiários receberão o valor da indenização de todos eles.

Se eu atrasar o pagamento do seguro, o que acontece?

As seguradoras costumam disponibilizar um prazo para que a inadimplência seja quitada, porém, durante o período de atraso o seguro fica suspenso.

Se não for quitado o valor devido dentro do prazo há o risco do seguro de vida ser cancelado.

seguro-de-vida

O valor do seguro é reajustado?

Sim. Os seguros costumam conter uma cláusula que fala sobre os reajustes. Os valores reajustados costumam ocorrer anualmente.

Nesse período é comum que o valor do prêmio (valor do seguro) e da indenização sofram correções.

Quem precisa de um seguro de vida?

O seguro de vida é indicado para qualquer pessoa que se preocupe com seus familiares e os queira deixar amparados em caso de invalidez ou morte.

Porém, ele costuma ser mais procurado por pais e mães que desejam amparar ou filhos ou por pessoas que não possuem grandes recursos financeiros.

Quais os benefícios do seguro de vida?

  • Garantir um valor financeiro para que se possa arcar com despesas em casos de invalidez;
  • Custear os custos médicos em casos de doenças e acidentes;
  • Garantir uma proteção pessoal com uma segurança financeira;
  • Deixar os familiares amparados em caso de falecimento;
  • Possibilidade de ter acesso a todos esses benefícios por um preço acessível.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

Compartilhe em suas redes:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *