Qual o jeito mais seguro de transportar seu animal no carro?

Compartilhe em suas redes:

transportar animais no carro

Nossos animais de estimação são, praticamente, integrantes da família e, por isso, muitas vezes, são transportados no veículo pra cima e pra baixo, junto com a gente, seja em percursos curtos ou viagens mais longas. Mas você sabe qual a forma correta de transportar seu animal no carro de maneira segura?

Em primeiro lugar, é fundamental saber o que é proibido, não só por uma questão de bom senso, mas por se tratar de infração grave prevista pelo Código de Trânsito Brasileiro, como transportar “pessoas, animais ou volume à sua esquerda ou entre os braços e pernas”. Ou seja, nada de levar animais soltos ou no colo, dentro do carro, além de perigoso, é crime.

Transportar o animal assim é muito arriscado, pois pode desviar a atenção do motorista para o trânsito, ocasionando acidentes. Além disso, por mais comportado que seja seu animal, ele pode estranhar alguma situação e reagir de forma inesperada, atrapalhando a condução do veículo e fazendo com que o motorista perca o controle do veículo.

Ainda outro perigo é que o animal solto no veículo vá “tomar um vento” na janela e caia do carro em movimento, sofrendo ferimentos e provocando acidentes. Situações que, mesmo que não haja intenção, tanto o animal quanto o motorista, passageiros e outras pessoas fora do carro podem se machucar.

Atenção, também de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, é proibido “conduzir pessoas, animais ou carga nas partes externas do veículo, salvo nos casos devidamente autorizados”. Isto porque, um animal solto na carroceria pode se ferir muito com algum impacto ou até mesmo pular e fugir do veículo, provocando acidentes. Prendê-lo em uma corda ou corrente é ainda pior, pois freadas bruscas podem fazer com que o animal sofra traumas ou fique enforcado.

Cuidado, também, para não deixar seu animal sozinho dentro do veículo, especialmente em dias abafados, pois o carro pode se transformar em uma estufa que retém o calor, provocando hipotermia, entre outros problemas no organismo do animal.

Como levar os dogs no carro?

Para levar cães de pequeno porte em seu carro você tem com algumas opções, como as caixas transportadoras adequadas para animais e a cadeirinha com cinto de segurança específico; ambos podem ser encontrados em pet shops.

cães maiores precisam ser acomodados dentro de uma caixa de transporte adequada a seu tamanho ou colocados em porta-malas abertos, com grades de proteção para separá-los do resto do carro.

Novidade em SP: animais no ônibus!

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, sancionou em março deste ano a lei que autoriza o transporte de animais domésticos de pequeno porte nos ônibus coletivos da capital. No embarque, os donos deverão pagar a tarifa regular da linha pelo assento utilizado para o transporte do animal e apresentar a carteira de vacinação do animal.

Poderão ser transportados nos ônibus, animais que não sejam considerados ferozes e peçonhentos, com até 10 quilos, devidamente vacinados e dentro de caixas especiais. Serão permitidos no máximo dois animais domésticos dentro do ônibus a cada viagem.

A empresa de ônibus não tem qualquer responsabilidade pela integridade física do animal no período de transporte. O projeto proíbe o transporte de animais nos dias úteis, entre as 6h e as 10h e entre as 16h e as 19h. (Com informações do portal G1)

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:


Compartilhe em suas redes:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *