Vale a pena instalar ar condicionado em carros sem ar de fábrica?

Vale a pena instalar ar condicionado no carro sem ar

Há alguns anos o ar condicionado vem deixando de ser opcional de conforto para se tornar um essencial. Mas, se por acaso seu carro contar com esse item de fábrica, descubra nesse artigo se vale a pena instalar ar condicionado.

O ar condicionado, bem como direção assistida, teto solar, câmbio automático, freios antitravamento ABS, são itens que o consumidor deve solicitar que venha instalado de fábrica. É claro que é possível instalar estes itens após a compra, mas a questão é que não se vai, ao menos por um valor interessante, obter o mesmo padrão do equipamento original.

Embora na teoria, todo item instalado fora da autorizada provoque a perda da garantia, na prática, nem sempre é assim. Segundo especialistas, o problema acontece caso se constate que o instalador fez alguma alteração nas características originais. Agora, se o mecânico colocou um alarme com conector original, não mexeu no chicote original, não caracteriza como alteração.

Por que o ar condicionado é tão necessário?

A temperatura nas cidades brasileirasestá maior a cada ano, e dirigir por aí sem contar com um ar condicionado pode ser uma tarefa absolutamente desconfortável. Especialmente em congestionamentos onde a velocidade é baixa e nenhum vento entra pela janela.

Ou motivo que torna esse item tão necessário é a segurança. Poder manter os vidros fechados em cruzamentos onde o risco de roubo é maior, sem passar mal com tanto calor dentro do veículo é um alívio para muitas pessoas.

É necessário substituir os componentes para instalar o ar condicionado?

Isso irá variar muito de acordo com o fabricante e o modelo do veículo. De modo geral, os carros populares, conhecidos como 1.0, já possuem toda a infraestrutura necessária para a instalação do ar condicionado, tal como ventoinha do radiador, bateria de 45A, sistema de ventilação interna veicular, etc.

É possível que alguns componentes mínimos precisem ser trocados, mas fique atento, muitos profissionais da área tentaram criar a necessidade da troca de componentes desnecessariamente.

Então vale a pena instalar ar condicionado no carro?

Depende. Se o seu carro é um modelo mais antigo não. Esses modelos não possuema estrutura que é preciso para instalar o ar condicionado.Fazer todas as alterações, além de sair muito caro, pode acabar afetando a eficiência do veículo e até mesmo prejudicando sua cobertura do seguro auto.

No entanto, se seu carro é um modelo mais novo, de acordo com alguns profissionais, pode ser muito mais vantajoso instalar ar condicionado no veículo, ao invés de comprá-lo com o item de fábrica.

Desvantagens de instalar ar condicionado no seu carro

Não se engane pensando que essa prática é só ‘vantagens’. Instalar ar condicionado no seu carro com terceiros, também pode trazer algumas desvantagens.

  • Perda da originalidade: a primeira delas é que seu carro deixará de ser original, já que, muitas peças precisaram ser trocadas;
  • Redução da potência do motor: o motor agora dividirá sua potência e torque com o compressor de ar, logo, sua potência poderá ser reduzida em até 8 cavalos;
  • Carro mais pesado: o novo equipamento deixará o carro mais pesado, e consequentemente mais lento também;
  • Custo alto: em carros populares o valor mínimo desse serviço fica em torno de R$ 3 mil reais. Para modelos especiais, ele pode chegar a até R$ 5 mil;

Conheça os outros equipamentos que promovem riscos ao serem instalados

Além do ar condicionado, vale a pena saber quais são os outros equipamentos que apresentam riscos na instalação posterior. Abaixo, separamos alguns procedimentos e seus possíveis riscos

Instalações de alto risco

Alarme, som, sensor de ré, viva-voz com Bluetooth, módulo de levantamento de vidros, rastreador, farol auxiliar e vidro elétrico são itens que podem até não causar problemas futuros na parte elétrica, mas o risco de uma instalação malfeita trazer dor de cabeça depois é grande. Os mais comuns são corte inadequado de fiação, manuseio incorreto do chicote, provocando mau funcionamento, ou defeitos na bateria. O melhor é comprar o aparelho fora e colocar na autorizada.

Instalações de baixo risco

Ar-condicionado, direção hidráulica, funilaria e pintura, martelinho, pneus e rodas: algumas marcas oferecem nas dependências das próprias concessionárias, kits homologados de ar, direção e sensor de ré que nada mais são que empresas terceirizadas que realizam o serviço. Só que nesse caso você fica nas mãos da autorizada. Se fizer fora, descubra para qual loja a autorizada manda os carros. Funilaria e pintura, só os serviços mais leves e que não envolvam reparos de perfuração. Para pneus e rodas, vale procurar uma loja especializada, mas nada de instalar uma roda maior que a original. Também se economiza um bom dinheiro no alinhamento e balanceamento, mas saiba: em caso de erros no serviço, a garantia de fábrica não cobre desgaste irregular de pneu ou avarias na suspensão ou direção.

Instalações sem risco

Cabo para conexão de iPod, defletores, protetores de porta e trava de estepe: são acessórios que não alteram em nada a fiação ou características originais (isso se a trava do estepe não furar a carroceria). São itens inofensivos e que não vão provocar a perda da garantia.

Agora que você sabe um pouco mais sobre a instalar ar condicionado em carros sem esse opcional de fábrica, poderá ponderar melhor e tomar uma decisão mais assertiva.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *