O seguro para taxistas é mais barato do que para os carros convencionais?

O seguro para taxistas é mais barato do que para os carros convencionais?

Em geral, o preço do seguro dos táxis é mais caro do que o seguro dos carros normais, devido a um conjunto de fatores determinantes para esse acréscimo de preço, bem como a consideração dos aspectos que podem minimizar esses custos. A regra para a contratação de seguros consiste na associação dos riscos e dos preços, assim, para diferentes riscos, há diferentes preços.

A principal razão para que o seguro do táxi seja mais caro do que o seguro do carro convencional é que o risco advindo do táxi é maior, por conta da natureza de seu uso, pois, quando comparado a um carro comum, é o táxi que circula por mais lugares e bairros, é o que leva mais gente, tem a quilometragem mais alta, logo, está exposto a maiores riscos.  Como o preço do seguro dos carros é calculado levando em consideração a qualidade do risco a que o veículo está sujeito, o táxi acaba tendo um preço relativamente maior.

Com maior risco de sofrer roubos, o assalto a taxistas costuma ser manchete dos jornais e das chamadas televisivas frequentemente. A vida dos profissionais dessa área costuma ser colocada em risco, os táxis geralmente são levados, com destino provável aos desmanches ilegais. Esse é um apanhado negativo que influencia no valor do contrato dos seguros para táxi, de modo, que o risco do roubo é convertido em seu preço.

Outros fatores que encarecem o valor do seguro de táxi em comparação com os carros convencionais incluem: o fato de ele levar passageiros desconhecidos, logo, expondo a atividade ao risco; sua circulação mais intensa e mais frequente, expondo-o às adversidades do trânsito, às más condições da via, os riscos de colisão, por exemplo.

Lembrando sempre que não é possível enquadrar a natureza do táxi na categoria dos carros convencionais na hora de reduzir os gastos com o seguro, uma vez que essa discriminação já consta no documento do próprio veículo, sua alteração é considerada criminosa.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com *.

*
*