Não guardei o carro na garagem e ele foi roubado. O Seguro paga a Indenização?

Não guardei o carro na garagem e ele foi roubado.

Às vezes por um descuido ou esquecimento, alguns imprevistos acontecem.  Em relação ao seguro de automóvel, existem alguns motivos ou descuidos que podem fazer com que a empresa recuse a indenização.

Um  exemplo, é no caso de  atraso no pagamento dos prêmios,  ou o roubo do veículo em uma cidade diferente da que foi relatada no contrato, ou em acidentes causados por terceiros com carros emprestados.

Outro fator que as companhias de seguros levam em conta no momento de realizar uma apólice, é a questão da garagem.

 

Possuir garagem para o veículo do qual contratou o seguro pode determinar que a indenização seja feita ou não. Não é necessário que a garagem pertença ao segurado, e nem que ela esteja localizada na residência do mesmo.

Porém, ao relatar que existe uma garagem para o pernoite do automóvel, é de fato necessário que a garagem seja utilizada. Outro ponto a ser esclarecido ao contratar o seu seguro, é esclarecer se o veículo ficar todo o dia no estacionamento ou somente uma parte do dia.

 

O que acontece muitas vezes é que, quando o segurado contratou um seguro de automóvel, morava numa residência sem garagem, e hoje mora num lugar com local para guardar o veículo. Neste caso, ele deve informar à companhia de seguros sobre a mudança do domicílio para que a apólice seja modificada.

Por outro lado, se você não guardou o carro na garagem e ele foi roubado, sua seguradora só pagará a indenização correspondente se for possível comprovar que o veículo era regularmente guardado na garagem. Caso você não possa provar isto, a indenização pode ser recusada.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com *.

*
*