Raio-x dos Recalls no Brasil

Raio-X dos Recalls

O fantasma do recall tem assombrado em número crescente as seguradoras brasileiras.

Nos últimos meses, cerca de cinquenta mil automóveis entraram na lista de recall em quatro campanhas feitas pelas empresas Fiat, Peugeot, Citroën e até mesmo a Ferrari. Os automóveis terão de ser levados de volta às concessionárias, por diversos problemas  na fabricação que não foram identificados pelo sistema de qualidade das montadoras.

 

O parágrafo primeiro do artigo 10 do Código de Defesa do Consumidor define a obrigatoriedade e divulgação do recall. No inicio, as montadoras viam o recall como um cuidado com o cliente, porém com o passar do tempo essa visão mudou. Os  chamados se tornaram constantes,  expondo problemas na fabricação dos carros e no sistema de qualidade das montadoras.

 

Mas afinal, qual o impacto de um recall para a empresa? Na verdade tudo depende do tamanho do problema envolvido, a quantidade de carros envolvidos no recall, a estratégia de recuperação e a frequência com que a empresa convoca recalls -  Por exemplo – Resolver o problema de uma tranca é mais fácil do que trocar o motor inteiro.
Outro ponto muito importante é que se o consumidor comprou o carro em um estado, e residir em outro, ele deve ser atendido no estado que mora, não há necessidade de voltar à cidade de origem da compra. E se a marca não tiver rede no local próximo ao consumidor, ele poderá escolher onde será atendido.

 

O que pode ser feito para evitar os recalls?

 

O problema vem do processo de criação. A terceirização tornou-se parte do modelo de negócios, e com a urgência de produção os defeitos aumentam, pois não existe um tempo hábil para os testes. E  quando a empresa demora a lançar um modelo, acaba ficando pra trás em relação as outras, o que gera um problema em looping, e nunca é solucionado.

 

Com isso, podemos observar um amplo espaço para o crescimento do recall no país. A disputa entre montadoras continuará forte, mas o que será tomado como critério de decisão e até mesmo de diferencial na escolha do automóvel, será a qualidade e responsabilidade das montadoras com a vida de seus clientes.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com *.

*
*