Fatores que podem baratear o seguro do carro

Muitas variáveis interferem no preço final do seguro. Por isso, selecionamos alguns dos principais fatores que podem alterar o preço da apólice para ajudar você a gastar menos. O primeiro deles é o uso do dispositivos de localização. Rastreadores diminuem muito o risco de uma seguradora e o desconto, caso você tenha um dispositivo desses instalado no carro, pode chegar a 20%. Em algumas corretoras, a instalação de um sistema de rastreamento é condição obrigatória para contratar um seguro. Em outras, é apenas um bônus.

Segurados que possuem garagem para o carro também são favorecidos. De acordo com o período que o carro passa dentro de uma vaga segura, o desconto pode variar entre 5% e 10%. A idade e o sexo do condutor também são importantes. As seguradoras entendem que um motorista de 18 anos, recém-habilitado, pode representar um risco muito maior que um adulto com mais tempo de carteira. Outra curiosidade é em relação ao sexo. As mulheres pagam muito menos que homens. Estatisticamente, a gravidade das colisões provocadas por mulheres é muito menor do que as provocadas por homens.

Em relação aos serviços extras, a cobertura mínima de um seguro de automóvel deve incluir proteção contra incêndio, colisão e roubo. Outras coberturas, como a extensão a terceiros, também são recomendadas, mas cabe ao motorista decidir. Cidades com os maiores índices de roubo tendem a ter o preço do seguro mais caro. A utilização do veículo na rotina de trabalho também encarece a apólice, já que o condutor estará mais exposto aos riscos do trânsito. De forma geral, quem anda mais de carro paga mais.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER:

Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com *.

*
*